O vereador Jean Lopes (PL) renunciou ao direito de concorrer à reeleição ao Legislativo nas eleições municipais deste ano. O requerimento com o pedido de cancelamento de sua candidatura foi apresentado ontem na Justiça Eleitoral. No comunicado feito ao juiz da 74ª Zona de Mogi, Tiago Ducatti Lino Machado, o parlamentar alegou “motivos pessoais”. Mesmo tendo a imagem pública arranhada pelo envolvimento em denúncias apresentadas à Justiça pelo Ministério Público contra um grupo de agentes políticos, assessores e empresários, a notícia surpreendeu os meios políticos, já que Lopes vinha mantendo a sua candidatura, prometendo “provar sua inocência” e mostrar que foi “injusta” sua prisão decretada no mês passado, durante a Operação Legis Easy.