Segundo a pesquisa da Datafolha, a aprovação do presidente Jair Bolsonaro sobe para 37%, a melhor do mandato, e a reprovação cai para 34%
A pesquisa foi realizada nos dias 11 e 12 de agosto, com margem de erro de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Quem comenta o assunto é o secretário de Gabinete de Mogi das Cruzes, Romildo Campello. Outro destaque é sobre o projeto de corte de gastos que vai unificar institutos de pesquisa, mas mantém a Fundação Florestal em São Paulo. A proposta “estabelece medidas voltadas ao ajuste fiscal e ao equilíbrio das contas públicas” e dentre as determinações, estabelece a extinção de 11 entidades descentralizadas, entre elas, o Instituto Florestal.