A Prefeitura de Mogi das Cruzes criou o Comitê de Ação Social e Econômica (Case), vinculado à Secretaria de Gabinete do Prefeito. O objetivo da comissão é organizar ações, condutas e orientações que possam diminuir e atenuar os impactos dos efeitos gerados aos profissionais das atividades inovadoras e microempreendedoras, durante o período do estado de calamidade pública como prevenção contra a transmissão do coronavírus. O ouvidor geral, chefe de gabinete de Mogi e colaborador da Rádio Metropolitana, Romildo Campello, é coordenador do comitê e vai comentar como a Case vai administrar a crise da pandemia no setor do empreendedorismo.

 

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

A post shared by Marilei Schiavi (@marileischiavi) on