NOTA DE FALECIMENTO: Padre Manoel Bezerra de Melo, ex-prefeito de Mogi das Cruzes, fundador e chanceler da UMC, morre aos 94 anos em Fortaleza.

Dê o play e ouça a homenagem do Dr. Melquíades Machado Portela ao Padre Melo.

Trajetória: do Ceará para Mogi

Manoel Bezerra de Melo, o padre Melo, faleceu hoje (9/6), no Hospital Monte Clínico, em Fortaleza, no Ceará, vítima de insuficiência cardíaca agravada por problemas pulmonares. Padre Melo é ex-prefeito, fundador e chanceler da Universidade de Mogi das Cruzes, foi um político reconhecido e respeitado durante décadas no Alto Tietê.

Ele tinha se submetido, há vários anos, a duas cirurgias cardíacas e era portador de bronquite asmática, complicada pelo vício do cigarro. Nascido em Crateús, no Ceará, em 1926, ele foi sacerdote da Igreja Católica e chegou em Mogi das Cruzes aos 36 anos para atuar como padre na Matriz de Santana. Já havia atuado no Recife, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro. Em paralelo às atividades religiosas, Padre Melo ministrava aulas no Instituto de Educação Dr. Washington Luiz. Dois meses após sua chegada, fundou a Organização Mogiana de Educação e Cultura (OMEC), em 28 de maio de 1962. Em 1964 foram instaladas as primeiras faculdades do complexo educacional que, a partir de 1973, passou a se chamar Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Em 1966, Padre Melo teve sua iniciação política, candidatando-se a deputado federal por São Paulo.

Seu partido era a Aliança Renovadora Nacional (ARENA). No congresso, propôs a lei do divórcio. Em 1971, com autorização papal, conseguiu liberar-se dos votos como padre e casou-se com a professora cearense Maria Coeli. Filiou-se ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) no fim da década de 1980 e, em 1993, foi eleito vice-prefeito de Mogi na chapa de Francisco Ribeiro Nogueira. Após a morte do titular em 1994, Padre Melo assumiu o cargo de prefeito.

Sua única filha, Regina Coeli Bezerra de Melo, reitora da UMC, viajou hoje pela manhã para Fortaleza quando soube do agravamento do estado de saúde de seu pai. A UMC decreta luto oficial por três dias, a partir de amanhã. Votos de profundo pesar à família e aos amigos.

(Foto do Instagram da @regina23melo postada no aniversário de 94 anos do padre Melo)