Com a privação de atividades na pandemia, o personal é quem pode direcionar o caminho

Nos últimos anos, a busca por hábitos mais saudáveis tem feito parte do dia a dia das pessoas. Realizar atividades físicas e se alimentar de forma correta estão em alta e não só por questões estéticas, mas sim por consciência sobre os benefícios que esses comportamentos promovem à vida, principalmente em tempos de pandemia.
Por esses motivos, um personagem se faz importante: o personal trainer. Alexandre Balbi Rodrigues Filho, que também é estudante de Nutrição, dá consultorias de maneira remota. Em um primeiro momento é realizada uma anamnese para conhecer o perfil e objetivo do aluno (emagrecer, criar massa, resistência, etc) e depois é feito o cronograma de atividades, de acordo com as expectativas do próprio aluno para que ele não desanime logo no começo. “O pontapé inicial realmente é o mais difícil, então cabe a nós atuar como um facilitador. A montagem do treino é uma negociação e eu não quero também colocar uma atividade física que você realmente não goste de fazer”, destaca o especialista Alexandre Balbi Rodrigues Filho.
No final de abril, postagens feitas pela influenciadora digital Mayra Cardi deixaram muitos usuários das redes sociais revoltados. No Instagram, a empresária divulgou para seus mais de 6 milhões de seguidores que estava há 7 dias sem comer. Segundo ela, além de emagrecer, o jejum tem como objetivo a “elevação espiritual” e o “autoconhecimento”. Para especialistas essa prática é muito perigosa. “É um perigo para saúde, para o sistema imunológico. No momento em que a gente vive é necessária muita cautela para fazer qualquer tipo de jejum e por isso sempre é necessário o acompanhamento de um profissional”, completa o personal trainer Alexandre Balbi Rodrigues Filho.
Para conhecer mais sobre o trabalho do profissional, basta contatá-lo no Instagram @alexandrebalbi ou no Whatsapp (11) 98445-0274